Nós Montamos!
Altice MEO networking

Altice quer metade de Portugal com tecnologia 4G+ até ao final do ano

Até meados de 2018, a Altice quer aumentar a cobertura para 70% do território.

Michel Combes, presidente executivo da Altice

O presidente executivo da Altice, Michel Combes, anunciou nesta terça-feira que até final de 2017 metade do país vai ter cobertura de tecnologia móvel 4G+ e que até meados de 2018 aumentará para 70%. Michel Combes falava em Lisboa, numa conferência de imprensa na Web Summit, considerada o maior evento de tecnologias do mundo, e que conta com a parceria da Meo/Altice na disponibilização de wifi [internet sem fios].

“Somos líderes de 4G [quarta geração móvel] no país e queremos estar na frente na próxima geração móvel, que é o 5G”, disse Michel Combes. “Pretendemos colocar Portugal na liderança europeia e preparar esta nova geração [5G]”, acrescentou. Entretanto, “estamos a impulsionar os limites do 4G+”, afirmou o presidente executivo da Altice.

“Até final do ano vamos ter 50%” da cobertura do território português, que atingirá 70% em meados de 2018, acrescentou.

Por sua vez, a presidente executiva da Altice Portugal, Cláudia Goya, salientou que “o 4G+ já está a funcionar no Parque das Nações e no metro”, por exemplo. Michel Combes reiterou ainda a intenção de antecipar a cobertura de fibra do país em 2019.

Questionado sobre se vai lançar serviços financeiros em Portugal, tendo em conta que a Altice tem uma licença bancária europeia, Combes recordou que o grupo já tem “envolvimento neste tipo de áreas”.

Esta “é uma nova área onde os players de telecomunicações estão a começar a jogar”, prosseguiu, acrescentando que os “serviços financeiros serão disponibilizados pelos operadores”. Nesse sentido, “estamos a trabalhar nisso”, acrescentou.

Sobre Portugal, salientou: “Primeiros somos europeus, quando pensamos neste tipo de projetos pensamos na Europa”. O serviço vai arrancar primeiro em França, já no próximo ano.

“Queremos desenvolver [serviços bancários] em todo o lado. Queremos alavancar a tecnologia” e a proposta tem de ser “atrativa e com significado” para o consumidor, acrescentou.

Sobre a Web Summit, Michel Combes afirmou: “É a primeira vez que estou neste evento e estou entusiasmado”. Já Cláudia Goya sublinhou que Portugal “é esta semana o centro do mundo”, apontando que o evento “impacta” a economia portuguesa e o turismo.

“Estamos comprometidos com este mega evento”, disse, recordando que a cobertura da rede móvel Meo/PT foi aumentada para 65.000 dispositivos, mas “está preparada para o dobro desta capacidade”, salientado que há 130 pessoas a trabalhar nesta área.

“Estivemos no ano passado [na Web Summit], estamos este ano e vamos continuar”, salientou a gestora. Cláudia Goya disse ainda que a Altice quer triplicar o número de startups apoiadas no próximo ano e ajudar 50 a internacionalizarem-se.

A Altice concluiu a compra da PT Portugal/Meo em julho de 2015 e dois anos após esta operação fez uma proposta de aquisição do grupo Media Capital, dona da TVI, entre outros meios, que está neste momento nas ‘mãos’ da Autoridade da Concorrência.

André Filipe

Adicionar comentário

Clique aqui para deixar um comentário

Categorias

Arquivo

Teste de velocidade GCT

Clique na imagem

Sondagens

Utilizam o Microsoft Edge?

Ver o resultado

Loading ... Loading ...





%d bloggers like this: